Saiba um pouco mais sobre Maceió

Vir para Alagoas é sempre um entusiasmo a parte. Seja pela cidade de Maceió ou as praias incríveis de seu litoral, aqui é um lugar encantador para passar suas férias e voltar com boas lembranças e muita coisa boa pra contar. Para aproveitar bem sua estadia aqui, e conhecer os principais locais, um passeio de jangada até as piscinas naturais te dará além de um mar de águas mornas, rasas e refrescantes, uma paisagem de tirar o fôlego.


Maceió é a capital do Estado de Alagoas, e foi fundada em 1609. Com uma população estimada de 936.608 habitantes, faz divisa com várias cidades e ligada as demais regiões do país pelas BR 101, BR 104, BR 316 e AL 101 Sul.


Uma das regiões que mais crescem no Brasil, é considerada uma das capitais regionais do Brasil. É a segunda cidade em hierarquia urbana do Brasil e o maior produtor de sal do país. A cidade de Maceió foi escolhida por um júri internacional como a Capital Americana da Cultura de 2002, sendo a primeira do Brasil a ganhar este título. O PIB de Maceió é o maior do Estado de Alagoas com 9.143.488,000 mil.


Apesar dos inúmeros eventos que tem o ano todo, Maceió é sem dúvida terra do turismo, pois atrai milhares de pessoas todos os anos para lá. Para acomodar bem todos os turistas, Maceió possui cidades e bairros com excelente estrutura para oferecer uma boa estadia a todos. Além disso, sua paisagem natural encanta e surpreende, fazendo de Maceió uma ´´Caribe Brasileira``.

Para curtir esse Caribe no Brasil, o passeio às piscinas naturais é feito através de jangadas, que levam de dez minutos a 20 minutos para atravessar de dois a seis quilômetros entre a praia e os recifes, dependendo da praia e a distância dos recifes e a formação das piscinas. Formados apenas na maré baixa, os aquários naturais impressionam pelas águas claras repletas de peixes coloridos. Outra atração são as jangadas-restaurantes, que oferecem lagostas, camarões, peixes, frutos do mar e caipirinhas de frutas típicas.


O passeio além de você poder andar e nadar nas piscinas na maré baixa que chegam a ficar um pouco acima dos joelhos, você pode fazer mergulho em partes mais profundas ou esperar a maré subir. Mas mergulhos aqui apenas podem ser feitos com guias habilitados e pessoas que nadem bem. Algumas jangadas possuem máscara e snorkel para aproveitar o mergulho,  além de oferecem o kit incluindo ração para atrair os peixes. Os aquários naturais são cercados por bancadas de recifes, sendo aconselhável usar calçados que possam molhar durante o passeio e evitar machucados ao pisar em corais e ouriços que são muito pontiagudos.